Procrastinação e Bloqueio Criativo

Por: Keiko Kawati - 29/10/2018


Como o Itamar disse numa coluna anterior aqui do Inspirarte, dom pra desenhar é um mito!
E quanto aos dias em que não sabemos o que desenhar ou pintar? Em que não temos uma boa ideia? Todo mundo passa por isso, é normal! Vou contar aqui um pouquinho de como lido com isso e as coisas que já ouvi professores e amigos ilustradores dizerem.

Imagem Arte

1. Organize-se
Facilite tudo pra desenhar. Dificulte o acesso a distrações como o celular. É muito tentador dar uma olhadinha quando ouvimos um barulhinho dele, né? E, se você for como eu, tudo começa com um inofensivo meme de gatinho. O lazer é importante, mas saber separar um tempinho sem distrações pode fazer a diferença.
Separe sua pasta de referências e inspirações. O Inspirarte, Instagram, Pinterest e a internet toda são locais mágicos com artes incríveis, mas é fácil se perder entre tanta coisa e passar horas se distraindo com mil abas abertas no navegador. Por isso, a limitação pode ser uma aliada!
Disponha suas tintas e outros materiais, e rascunhe uma ou algumas ideias pequenininhas. Deixe seu sketchbook aberto na noite anterior, fica bem convidativo!

Imagem Arte

2. Seja Van Gogh (nem que seja por 5 minutos)
Muitas vezes, quando estou sem ideias, faço estudos. Nem que seja por 5 minutos. Nem que seja por 1 minuto. Normalmente, esse um minuto serve para despertar uma faísca, e acabo fazendo muito mais do que um minuto. Desenhar é muito prazeroso, né? E o bom é que assuntos para estudar e melhorar nunca acabam! Tenho aqui umas páginas do meu sketchbook, de uma época em que eu estava me sentindo meio travada.

Imagem Arte
Imagem Arte


O que eu fiz aqui foi abrir o Pinterest e desenhar tudo o que apareceu na página, até encher a folha do sketchbook. Não gastei muito tempo em cada desenho; a proposta foi soltar o traço, aquecer e prestar atenção a proporções e como interpretar as fotos. Sem expectativas, só para curtir mesmo!

3. Aulas!
Quando não estou conseguindo praticar a criatividade, estudo! Trabalhar com um ponto de partida e um objetivo claro é um jeito bacana de se desafiar.

Imagem Arte

Atualmente, sou aluna de alguns cursos de pintura, além de ser professora numa escola de São Paulo. Isso alimenta a paixão pelo desenho e a pintura! Experimentar técnicas, abordagens, ter contato com outras pessoas com a mesma paixão, mas com outras referências, é um aprendizado que enriquece a vida e o repertório do que podemos produzir.
Pra quem mora longe das escolas de artes, existem cursos online, inclusive oferecidos pela plataforma do Inspirarte! Além disso, há muitos canais bacanas no YouTube, com tutoriais! Ver outras pessoas pintando me dá muita vontade de pintar também!
Pra quem curte guache e técnicas de pintura como eu, super recomendo o canal do meu amigo e professor Davi Calil, que tem uma didática leve e divertida sobre cores, valor tonal e desenho.

Vídeos inspiradores



Keiko Kawati é uma ilustradora que utiliza as mais diversas técnicas de desenho e pintura, do guache e aquarela ao digital, para produzir artes coloridas, mágicas e encantadoras. Além de produzir seus próprios trabalhos, Keiko também dá aulas na Quanta.



Comentários:

Para comentar você precisa estar logado.